10 fevereiro 2009

Forretice


Ando numa onda de forretice, que já ninguém me atura!
Desde que decidi comprar casa e percebi que não tinha nada com que a rechear nem papás para ajudar (nem um garfinho dão à filhota. Papás maus!)aderi à moda da forretice.
De inicio cortei nas coisas superfluas, mas agora já tornei isto uma mania. Não compro uma roupinha há seculos, ando a adiar assuntos importantes, não saio à noite (nem de dia), e até ao cafézinho pós-almoço me ando a baldar.
Depois de ter passado o mês de Natal a cortar nos presentes e a baldar-me a tudo o que era jantarada e trocas de prendas, chegou o fatídico mês de Fevereio no qual todos os meus amigos decidem fazer anos! Mas que falta de sentido de oportunidade destes pais!
Agora, como boa amiga que sou, não me vou poder baldar. Tou tramada!
Será que vou ficar assim para sempre? Ou voltarei aos meus pequenos luxos?

Mas que sabe bem ver que sobrou um dinheirito ao fim do mês, lá isso sabe!

6 comentários:

Luna disse...

como eu te compreendo... tb ando nessa fase, desde q comprei casa com o meu namorado... com a prestação (até agora) sempre a subir, com a descida de salário este ano, e com tantos móveis ainda por comprar tem sido uma maratona q nem te conto! boa sorte!
bj

Saltos Altos Vermelhos disse...

isso é agora no inicio! Mas fazes bem em poupar um gutinho!!! Mas saiiii, um café não te põe mais pobre!

Pedro Barata disse...

Desde que não te tornes avarenta, fazes bem em olhar pela vida!!!
Beijinhos e boas poupanças

Poupinhas disse...

Ai sabe sabe.. desde que poupes, não interessa o quanto é o que importa, agora gastares mais que a conta não.. vais ver que vais voltar ao que eras, so que mais comedidada :)
Beijinho*

VM disse...

isto está tudo caro... só não sobe os ordenados... poupa, mas não te tornes avarenta...

Summer disse...

Eu já passei essa fase...só me pôs deprimida, daí o part-time! :)

Obrigado pela força* E não te preocupes que quando te aperceberes, essa má fase, puff, foi!

**
ps - amigos são amigos ;)